Hackers pedem R$45 Milhões de resgate à Record TV

Hackers pedem R$45 Milhões de resgate à Record TV. Emissora está enfrentando problemas para colocar seus programas no ar desde a manhã do último sábado dia 08 de outubro.

Conforme noticiamos aqui no Blog Minuto da Segurança, dia 09 de Outubro, na manhã do último sábado, 08 de outubro, a Record TV sofreu um ataque hacker que a obrigou interromper a exibição ao vivo do Fala Brasil. Além da Record TV, as emissoras SBT, TV Cultura, TV Anhanguera também foram vítimas de ataques hacker, o que impediu a transmissão de suas programações ao vivo. 

Por volta das 9h da manhã que o sistema da Record foi invadido e o Fala Brasil foi interrompido às pressas. Thalita Oliveira foi quem se despediu do público do Fala Brasil. No Twitter, a emissora paulista entrou na lista dos principais assuntos.

Segundo sites de notícias, os hackers que atacam o sistema da Record fizeram um pedido de resgate nesta segunda-feira (10) para a alta cúpula da emissora de Edir Macedo. A informação também chegou para os funcionários, que estão trabalhando sem a tecnologia à qual estão acostumados. Os invasores querem R$ 45 milhões. Segundo apurou o Notícias da TV, a decisão sobre o pagamento está sendo analisada. Ao mesmo tempo, a equipe de TI (Tecnologia da Informação) da empresa tenta trabalhar para recuperar algumas áreas. O esforço inicial é para tornar a operação o mais próxima da normalidade e, quem sabe, barganhar um valor mais baixo com os hackers. 

A Record tem colocado seus jornais ao vivo “na raça”, segundo funcionários ouvidos pela coluna Notícias da TV da UOL. O Balanço Geral, comandado por Reinaldo Gottino, foi levado ao ar com um esquema que não era usado desde a década passada para edição de reportagens. Durante o programa, o apresentador agradeceu toda a equipe pelo esforço. “Todo mundo aqui trabalhando, na raça, para colocar a melhor revista eletrônica das tardes no ar”, disse ele.

Já no domingo (09), o Hora do Faro precisou apostar em uma reprise no Vai da Namoro, já que o canal não tinha acesso as gravações inéditas da atração. Na sequência, a entrevista com a eliminada de A Fazenda 14, Rosiane Pinheiro, só foi ao ar porque a edição foi refeita com uma produtora chamada às pressas. O Domingo Espetacular e o Câmera Record também precisaram de ajustes.

Nesta segunda-feira (10), os programas ao vivo da emissora têm sido colocados no ar “raça”, graças ao empenho de toda a equipe. Porém, é visível ao público algumas falhas e até mesmo a simplicidade em alguns conteúdos, como os GC’s dos telejornais, que estão sendo feitos sem qualquer animação gráfica, como era de costume. Pela manhã, a edição do Balanço Geral encerrou demarcando o ano de 2021 e não 2022, que é o certo, em um claro erro na ilha de edição.

A coluna escrita porr Ricardo Feltrin, apurou que, além de impedir funcionários de acessar os números de ibope dos programas, os invasores “sequestraram” também a “intranet” da emissora do bispo Edir Macedo. Além da Intranet os “hackers” teriam se apossaram de todos os endereços e anos de conteúdos de e-mails trocados, enviados e recebidos por funcionários. O número de mensagens é incalculável. Segundo o colunista todos estão sem acesso aos seus correios eletrônicos e também ao sistema interno de mensagens.

Oficialmente, a Record TV ainda não se pronunciou sobre o ocorrido. Portanto, não se sabe sobre a veracidade deste pedido de resgate e nem se haverá o pagamento. Segundo fontes do Portal Alta Definição, até mesmo a alta cúpula do canal está empenhada em resolver o problema, que está afetando a todos na sede da emissora.

Fonte: UOL & Portal Alta Definição

Veja também:

Sobre mindsecblog 1871 Artigos
Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.

Seja o primeiro a comentar

Deixe sua opinião!