Medidas de proteção de dados pessoais

Medidas de proteção de dados pessoais. Além das organizações, os titulares de dados também precisam se adequar à LGPD.

Proteção de dados é o assunto do momento, com a entrada em vigor da Lei 13.709 Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais as organizações precisam se adequar a nova Lei e regularizar o tratamento de dados pessoais realizados por ela.

Todos os meses observamos as inúmeras notícias sobre vazamentos de dados pessoais nas organizações, órgãos do Governo, causando assim um sentimento de impotência por parte do titular de dados pessoais.

A entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados além de trazer segurança jurídica trará direitos aos titulares de dados, os verdadeiros donos dos dados e a organização precisará cumprir com esses direitos e adotar de medidas de salvaguardas para a proteção dos dados pessoais dos titulares.

Em contrapartida sabemos que não só as organizações sofrem com as tentativas de invasão a seus dispositivos, os próprios titulares de dados são vítimas todos os dias dessas tentativas para sequestro de seus dados pessoais e assim como as organizações os titulares precisam adotar medidas de proteção para mitigar os riscos de sofrer ataques cibernéticos.

Neste artigo, traremos algumas medidas que podem ser adotadas pelos titulares para ajudar a mitigar esses riscos e manter seu dispositivo e sua navegação mais segura para proteger seus dados pessoais e sua privacidade, porém antes iremos explicar a diferença de proteção de dados e privacidade e a sua relação.

Privacidade segundo o Wikipédia é o direito à reserva das suas informações pessoais e da própria vida pessoal, pode ser entendida também como a vontade de controlar a exposição e a disponibilidade de informações acerca de si mesmo.

Proteção de Dados é o meio de se garantir a privacidade, tem como objetivo proteger os direitos fundamentais de liberdade e privacidade e o livre desenvolvimento da personalidade da pessoa natural.

O Direito a proteção de dados origina-se posteriormente ao direito à privacidade. A preocupação com a proteção de dados veio da percepção do tamanho do poder e influência de manipulação sobre a sociedade e o mercado que este tipo de dados pode oferecer.

Com isso, a necessidade dos titulares em implementar medidas de segurança e proteção dos seus dispositivos aumenta a cada dia. Abaixo listaremos algumas medidas que ajudaram a mitigar esses riscos.

  1. Sair da sua conta do Google – Vincular uma conta do Google ao Chrome permite sincronizar informações como histórico, senhas e favoritos entre diferentes dispositivos, seu computador ou seu celular por exemplo. Além de ser prática, essa configuração fornece ao Google a mais informações do que o necessário.
  2. Desabilitar o oferecimento para salvar senhas – É comum armazenar senhas no Chrome para facilitar o procedimento de login em alguns sites, porém esse procedimento não é recomendado devido a possibilidade de um atacante executar uma invasão através do Browser ou conseguir invadir a sua máquina, poderá acessar às suas senhas, sequestra-las ou descriptografá-las.

Na imagem acima para desabilitar as senhas e logins automáticos no Chrome, podemos clicar nos três pontos no canto superior e selecionar a opção configurações, após isso vamos em preenchimento automático e depois em gerenciador de senhas. Desabilite as opções oferecer senhas salvas e Login automático.

 

  1. Acesso à sua câmera, localização e microfone – Como forma de boa prática para melhorar a privacidade no Chrome é altamente recomendado negar as permissões de acesso à sua câmera, localização e microfone. Se algum site malicioso estiver com a devida permissão configurada a acessar os dispositivos o atacante poderá usar essa permissão para monitorar suas conversas, por exemplo, violando a intimidade dos titulares de dados.

  Vá até as permissões de acesso dos sites em configurações, privacidade e segurança e depois em configurações do site, Na próxima tela, vá até permissões, revise as opções e selecione a alternativa mais segura. Em configurações podemos selecionar a opção Não permitir que sites acessem seu local, o que reduzirá pop-ups.

  1. Dados e privacidade – Podemos identificar através da url https://myaccount.google.com/data-and-privacy?hl=pt_BR após clicar em Dados e privacidade você terá acesso e poderá escolher os dados que ficaram salvos na sua conta, anúncios exibidos para você assim como informações compartilhadas.

Como boa prática desative todas as opções para evitar que o Chrome armazene informações sobre sua conta, histórico de navegação, informações sobre lugares onde você esteve informação que você pode compartilhar, dados de apps e serviços que você usa e etc..

  1. Definição de Controle de Conta de Usuário – O Controle de conta do usuário ajuda a impedir que programas que são potencialmente perigosos façam alterações no computador. É recomendado manter a opção como sempre notificar quando os aplicativos tentarem instalar softwares ou fazer alterações em seu computador.

Por fim, mas não menos importante temos a criptografia, a melhor maneira de proteger arquivos que você não quer que outras pessoas tenham acesso. A criptografia usa uma chave secreta para transformar seus arquivos em algo ilegível a menos que você possua a chave secreta para desbloqueá-los.

Como opção temos o VeraCrypt, software de criptografia em tempo real, os dados são criptografados automaticamente antes de serem salvos e poderá ser descriptografados após serem carregados sem intervenção do usuário.

Apresentamos algumas recomendações para ajudar a mitigar os riscos de ataques cibernéticos protegendo seus arquivos usando criptográfica, ajustes nas configurações do seu navegador para melhorar a privacidade das suas informações, existem outras configurações e medidas que somadas aumentam a proteção de suas informações dificultando o acesso não autorizado.

Por: Celso Faquer 
Fonte: https://dataprivacy.com.br/analise-comparativa-entre-direito-a-privacidade-e-direito-a-protecao-de-dados-pessoais-e-relacao-com-o-regime-de-dados-publicos-previsto-na-lei-geral-de-protecao-de-dados-2/
https://pt.wikipedia.org/wiki/Privacidade

Veja também:

Sobre mindsecblog 1947 Artigos
Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.

1 Trackback / Pingback

  1. Medidas de proteção de dados pessoais – Neotel Segurança Digital

Deixe sua opinião!