CrowdStrike expande presença internacional para atender à crescente demanda do cliente

CrowdStrike expande presença internacional para atender à crescente demanda do cliente. CrowdStrike Inc., a líder de próxima geração em serviços de proteção de endpoint, inteligência contra ameaças e resposta fornecidos em nuvem, amplia suas operações na região Sul America, iniciando pelo Brasil, a sua expansão após a demanda global exponencial para o CrowdStrike Falcon™, a plataforma de proteção de endpoints, inteligência contra ameaças e serviços de respostas.

No ano passado, o negócio da CrowdStrike somente na região da EMEA aumentou mais de 200%, incluindo a recente adição de um dos maiores fornecedores mundiais de energia com sede na EMEA. Com implantações em mais de 170 países e uma projeção de rápido crescimento na região EMEA, a empresa está aumentando sua presença europeia existente de engenheiros, analistas de intrusão e inteligência para incluir também vendas, marketing e recursos de desenvolvimento de parceria.

A CrowdStrike está vendo um crescimento significativo globalmente e vai trazer seus serviços de próxima geração líder do setor de proteção de endpoint, inteligência e resposta para o mercado com um foco total em ajudar as empresas a parar violações”, disse George Kurtz, cofundador e diretor executivo da CrowdStrike.

A estratégia de estabelecer uma presença na região latina, passa por uma forte presença no Brasil, através de parceiros certificados como a MindSec. A estratégia de iniciar pelo Brasil promete acelerar a presença da CrowdStrie na região latina.

Incentivada por um crescimento na procura dos clientes para a sua plataforma de proteção de endpoint a líder na categoria, a CrowdStrike aumentou dramaticamente a aplicação para seus serviços de tecnologia, inteligência contra ameaças, e resposta em todos os clientes corporativos globais.

Recentemente, a empresa introduziu novos recursos à sua plataforma Falcon, incluindo antivírus avançado de próxima geração,  defesas para combater o ransomware CryptoWall e detecção e prevenção de ameaças com tecnologia de ponta, alimentados pelo Threat Graph™ da CrowdStrike.

Sobre a CrowdStrike

CrowdStrike é a líder de próxima geração em serviços de proteção de endpoint, inteligência contra ameaças e de resposta. A tecnologia de núcleo da CrowdStrike, a plataforma Falcon, pára violações ao prevenir e responder a todos os tipos de ataques – tanto malware e livre de malware.

A CrowdStrike revolucionou a proteção de destino ao combinar três elementos cruciais: antivírus (AV) de próxima geração, proteção de endpoint e resposta (endpoint detection and response – EDR), e um serviço de caça gerenciado 24/7 — todos movidos por inteligência e exclusivamente entregues através da nuvem em uma solução única e integrada. A Falcon utiliza a patente pendente Threat Graph™ da CrowdStrike para analisar e correlacionar bilhões de eventos em tempo real, proporcionando proteção completa e visibilidade de cinco segundos em todos os destinos.

A maior inovação da plataforma CrowdStrike é a não dependência das chamadas “vacinas de vírus” para parar as ameaças, ao mesmo tempo que aliviando significativamente o trafego de rede causado pela constantes atualizações requeridas pelos softwares de proteção tradicionais. A CrowdStrike utiliza uma tecnologia inovadora que conta com um gerenciador completo em nuvem e um agente de pequeno tamanho instalado nas estações, com inteligência e atuação mesmo desconectado da rede.

Muitas das maiores organizações do mundo já colocaram sua confiança na
CrowdStrike, incluindo três das dez maiores empresas globais em termos
de receitas, cinco das dez maiores instituições financeiras, três dos dez principais prestadores de cuidados de saúde, e três das maiores empresas de energia. A Falcon da CrowdStrike está atualmente implantada
em mais de 170 países.

Nós paramos violações. Saiba mais: www.crowdstrike.com

Clique e contate  a MindSec para obter mais informações de como realiza uma PoC para conferir o potencial da ferramenta CrowdStrike

Plataforma Falcon

A CrowdStrike tem vários módulos de proteção que adaptam-se à necessidade do cliente. Abaixo listamos os módulos do Crowdstrike.

Next Gen AV – FalconPrevent a solução criada para substituir AV e prover proteção contra malware e ameaças avançadas. Certificada para substituir as soluções de Antivírus Legacy (baseados em Assinaturas) e pode ser implementado junto a outras soluções e tecnologias para aumentar o nível de proteção e eficácia.

EDR – Falcon Insight a solução de EDR é única porque simplifica o EDR ao proporcionar detecção automática da atividade das ameaças avançadas e ao mesmo tempo permite em 5 segundos uma visibilidade de toda a atividade no endpoint para que se possa detectar ameaças e investigar incidentes rapidamente

Managed Threat Hunting -Falcon OverWatch foi pioneira no espaço de caça às ameaças e continua a se destacar da concorrência ao fazer uma caça proativa, em vez de simplesmente responder aos alertas. Agora também a CrowdStrike oferece níveis mais altos de serviço para ajudar melhor suas equipes com ameaças avançadas.

Device ControlControle de dispositivos permite que os administradores controlem os dispositivos USB usados em seus ambientes e reduzam os riscos associados. O Falcon Device Control fornece a visibilidade e o controle granular necessários para permitir o uso seguro de dispositivos USB em toda a sua organização, permitindo que você monitore como os dispositivos USB são usados em seu ambiente. Permite determinar com precisão quais dispositivos são permitidos ou restritos e o nível granular de acesso concedido a cada dispositivo. O Falcon Device Control não requer instalação ou hardware de software de endpoint adicional para gerenciar

Higiene de TI – O Falcon Discover identifica sistemas e aplicativos não autorizados em qualquer lugar em seu ambiente em tempo real, permitindo uma correção mais rápida para melhorar sua postura geral de segurança. Amplia a visibilidade de seu ambiente, fornecendo detalhes sobre ativos, usuários e aplicativos. “Dizem que você não pode proteger o que não pode ver e o Falcon Discover garante que você vê tudo o que precisa.

Gerenciamento de vulnerabilidadesO Falcon Spotlight é a solução de gerenciamento de vulnerabilidades. Ele fornece visibilidade em tempo real da presença de vulnerabilidades em seu ambiente e também ajuda a priorizar o patch, entendendo onde as tentativas de exploração estão realmente acontecendo. E, como faz parte de uma plataforma de proteção de endpoint, o CrowdStrike pode interromper ataques a sistemas sem patches à medida que você implantar patches.

Sandbox – Falcon Sandbox realiza uma análise profunda de ameaças evasivas e desconhecidas, enriquece os resultados com inteligência de ameaças Análises mais sofisticadas são necessárias para descobrir o malware evasivo e avançado de hoje. A tecnologia de Análise Híbrida da Falcon Sandbox expõe comportamentos ocultos, derrota malware evasivo e fornece mais IOCs, para melhorar a eficácia de toda a infraestrutura de segurança, permitindo que a equipe de segurança compreenda melhor os ataques sofisticados de malware e fortaleça suas defesas.

Inteligência de ameaças – Threat Intelligence rastreia a atividade adversária global, fornecendo relatórios e análises customizados e acionáveis que podem ser operacionalizado facilmente para melhorar sua postura geral de segurança. Permite entender os motivos dos grupos hackers adversários, antecipar suas técnicas e implementar uma ação eficaz para impedir que violem sua organização.

Treat Actors – Entender o adversário é a chave para proteger contra ataques porque, embora não seja possível prever todos os ataques, você pode pelo menos usar as informações do passado para informar possíveis ataques futuros e ajudar a reduzir as consequências. Consumir a inteligência do adversário é importante para as empresas, porque, para se proteger, você precisa saber quem virá depois de você e como elas virão atrás de você. A equipe de inteligência CrowdStrike se dedica a rastrear as atividades dos grupos de agentes de ameaça e entender o máximo possível sobre cada um deles. Em 2013, a CrowdStrike rastreou mais de 50 adversários, como exemplo um dos mais recente deles, o Putter Panda, foi o assunto de um dos relatórios de inteligência divulgado.

A CrowdStrike usa um sistema de criptônimo para categorizar os adversários, então Putter Panda não é apenas um nome de animal de estimação, designa tanto um estado-nação do adversário o grupo que eles almejam. Neste caso, os participantes de uma conferência no setor de tecnologia espacial.

Alguns adversários estão ligados a atores Estado-Nação, neste caso , “Panda” é o termo genérico para todas as atividades do estado-nação vinculadas à República Popular da China. Os adversários não baseados no estado-nação são categorizados não por localização, mas por intenção. Por exemplo, grupos ativistas, como o Exército Eletrônico da Síria, são categorizados como “Chacal”, que expressa intenção e motivação.

Com estas informações, a equipe de inteligência da CrowdStrike é capaz de delinear e monitorar as atividades destes grupos, facilitando às equipes de Segurança a se antecipar a possíveis ataques contra a sua organização.


O que torna o Crowdstrike verdadeiramente único é que o CrowdStrike pode fazer tudo isso com uma única plataforma, interface de gerenciamento única e um único agente de endpoint. Coma a solução CrowdStrike, os clientes obtêm uma combinação de capacidade avançada e facilidade de uso que é transformadora para sua equipe de segurança.

Clique e contate  a MindSec para obter mais informações de como realiza uma PoC para conferir o potencial da ferramenta CrowdStrike

Avaliações Globais

IDC posicionou a CrowdStrike como uma das duas principais “líderes” e citou a força da capacidade da CrowdStrike de alavancar a abordagem de Incident Response (IR) conduzida por análise de inteligência e uma compreensão profunda das táticas, técnicas e procedimentos do adversário. O CrowdStrike combina especialização de classe mundial e poderosa tecnologia de próxima geração para realizar remediação mais rápida e fornecer inteligência acionável para não apenas interromper um ataque atual, mas também impedir futuros ataques.  A CrowdStrike está à frente de empresas com marcas já muito mais conhecidas aqui no Brasil e que já participaram diversas vezes na análise do IDC.

O CrowdStrike é um provedor privado de serviços de segurança proativos e uma das empresas com mais rápido crescimento neste espaço. A empresa atende a uma ampla variedade de tipos de clientes e Verticais“, afirma a IDC. “A CrowdStrike alavanca sua abordagem IR baseada em inteligência e compreender as táticas e técnicas do adversário para identificar as lacunas de segurança organizações de clientes ou sentar-se ao lado de executivos para desenvolver estratégias de segurança.”

“Mais de 150 bilhões de eventos coletadas por dia”

O CrowdStrike cita o Falcon Insight e o Falcon Prevent, suas ofertas de EDR baseadas em nuvem e AV de próxima geração, que permite que os consultores obtenham visibilidade da infra-estrutura de endpoint da vítima e evitem tráfego malicioso ativo e comportamento de atrapalhar uma investigação eficaz. Além disso, a arquitetura escalável baseada em nuvem da plataforma (mais de 150 bilhões de eventos coletadas por dia) permite que a equipe de resposta comece a trabalhar remotamente para identificar / classificar ameaça e tomar ações corretivas para começar a expulsar os invasores dos ambientes do cliente antes que o impacto aumente.

A Forrester também psiciona a CrowdStrike como Líder para Endpoint protection.  “A CrowdStrike entende e articula o problema de combater sofisticados atores melhor do que ninguém. Construiu uma empresa de produtos EDR reforçada com inteligência contra ameaças e serviços forenses digitais que são amplamente respeitados em todo o setor. Eles fazem sistema
classificação baseada em processos em execução na máquina para ajustar a priorização de alertas, e a caça às ameaças é executada usando a linguagem de consulta Splunk (SPL), que pode ser vista como uma vantagem competitiva para organizações que retêm analistas com essa qualificação.

Os consultores de segurança da CrowdStrike trabalham com a equipe Global Threat Intelligence da empresa para rastrear atividades adversárias em todo o mundo e produzir inteligência acionável e personalizada para os clientes. Isso permite que a equipe do CrowdStrike entenda os motivos do adversário e os TTPs em um esforço para antecipar suas ações e atribuir ataques.

Segundo o Gartner, “a CrowdStrike fez um grande progresso em 2017 e conseguiu substituir fornecedores legados de EPP em grandes organizações. Com 79% de seus negócios na América do Norte, o CrowdStrike tem implementações em 176 países e inclui algumas organizações muito grandes com mais de 50.000 licenças.”

“CrowdStrike alcançou a pontuação mais alta em capacidades críticas pra proteção de endpointsentre as organizações ‘tipo A’ ” , Gartner

O agente individual leve do CrowdStrike Falcon suporta todos os ambientes (físico, virtual e nuvem) e funciona com o mesmo agente e console de gerenciamento para a proteção Falcon Prevent e o Falcon Insight EDR. Com sua herança de EDR, o CrowdStrike registra a maioria dos eventos de endpoint e envia todos os dados gravados para sua nuvem para análise e detecção“, complementa.

Organizações com equipes pequenas ou sem SOC irão encontrar a combinação de Falcon OverWatch e Falcon Endpoint Protection convincente.

Juntamente com os recursos de EPP e EDR, a CrowdStrike oferece um serviço complementar chamado Falcon OverWatch, a um preço atraente, levando a uma adoção extremamente alta entre sua base instalada. O Falcon OverWatch fornece assistência gerenciada, alerta, resposta e assistência de investigação. Organizações com equipes de SOC pequenas ou não encontrarão a combinação de Falcon OverWatch e Falcon Endpoint Protection convincente. O CrowdStrike também oferece um serviço de resposta a violações bem respeitado.” finaliza.

Há uma grande expectativa de que, já no próximo reporte, o CrowdStrike seja posicionado como Líder no quadrante do Gartner , devido ao seu expressivo avanço técnico e crescimento da base instalada globalmente neste ano.

Nossa expectativa é que a CrowdStrike apareça no quadrante de Líderes já no próximo relatório do Gartner, seguindo os apontamentos do Forrester e IDC“, afirma Marcio Bonifácio, diretor responsável da CrowdStrike para a América Latina.

O CrowdStrike é consistentemente reconhecido como a solução líder em proteção de endpoints por analistas do setor, organizações de testes independentes e profissionais de segurança.

Clique e contate  a MindSec para obter mais informações de como realiza uma PoC para conferir o potencial da ferramenta CrowdStrike

Fonte: IDC Report & Forrester Report & Gartner

Veja também:

About mindsecblog 1273 Articles
Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.

37 Trackbacks / Pingbacks

  1. A ponte que partiu
  2. Hackers eliminam mais de 6.500 sites na Darkweb
  3. Vaza dados e senhas de clientes da TIVIT
  4. Arquitetura de proteção de Endpoint da CrowdStrike
  5. MPDFT pede indenização de 10Milhões operadora de Bitcoins por vazamento de dados
  6. Israel Neutraliza o Ataque Cibernético Explodindo um Edifício com Hackers - Minuto da Segurança da Informação
  7. Vulnerabilidade do WhatsApp expõe 1,5 bilhão de telefones
  8. Hackers tentaram violar dados do Relator da Lava Jato
  9. Clientes do Banco Inter têm saldos zerados ou negativos
  10. O que é a Web Invisível?
  11. Milhões de servidores de e-mail Linux em risco
  12. Quais são os tipos de arquivo mais perigosos?
  13. Segurança ou conformidade? Uma decisão que não deve ser tomada
  14. A #LGPD e o mito do advogado que entende de Dados
  15. Apple suspende programa Siri após contestações sobre privacidade
  16. Microsoft lança patch para vulnerabilidade similar ao Specter e Meltdown
  17. Vazamento da Capital One é uma das maiores violações dos EUA
  18. 21 aplicativos antivírus Android apresentam sérias vulnerabilidades
  19. Dell rompe com Cylance e revigora a proteção de endpoint com o CrowdStrike
  20. Antivírus DATLESS revoluciona mercado de Endopoint
  21. Como melhorar a resposta a incidentes e o tempo de remediação
  22. CrowdStrike nomeado como "Líder" com a maior pontuação possível em 6 critérios
  23. VPNs da Pulse Secure e Fortinet sem correções são alvos de Hackers
  24. Vulnerabilidades do Cisco UCS permitem controle completo dos sistemas
  25. Estados dos EUA abrem investigação antitruste contra Google
  26. CLOUD  SECURITY  Por onde Começar?
  27. Vem aí o Security Day - principal evento do curso Superior de Tecnologia em SI da FATEC
  28. Microsoft lança o OneDrive Personal Vault com 2FA - Minuto da Segurança da Informação
  29. Empresa paga $500 mil por violação de dados iniciada por Phishing
  30. Amazon pode estar vendo você em sua casa
  31. Botnet Smominru usando o Ethernal Blue infecta 4700 por dia
  32. CrowdStrike é LEADER no Magic Quadrant do Gartner 2019
  33. As 10 melhores ferramentas de verificação de vulnerabilidades
  34. A indústria dos dados pessoais, os data brokers e a LGPD
  35. British Airways pode ter que pagar US $ 230 Mi em multa devido a GDPR
  36. Segurança Cibernética e sua Carreira
  37. ISO 27701 - Extensão ISO 27001/2 para Privacidade de Dados

Deixe sua opinião!