O Google rastreia seus movimentos mesmo contra sua vontade

O Google rastreia seus movimentos mesmo contra sua vontade. Uma investigação exclusiva da AP (Associated Press) revela que, mesmo com o histórico de localização em pausa, algumas aplicações do Google armazenam automaticamente dados de localização com marcação de hora sem autorização do usuário.

Segundo o IBT – International Business Time, a  investigação da Associated Press descobriu que muitos serviços do Google em dispositivos Android e iPhones armazenam seus dados de localização, mesmo que você tenha ativado as configurações de privacidade que dizem que impedirão isso.   Pesquisadores da universidade de Princeton, a pedido da AP,  confirmaram a descoberta.

Na maioria das vezes, o Google é bem claro sobre pedir permissão para usar suas informações de localização. O aplicativo Google Maps, por exemplo, lembrará você de permitir o acesso ao local, se você usá-lo para navegar. Se você concordar em permitir que ele grave sua localização ao longo do tempo, o Google Maps exibirá esse histórico em uma “linha do tempo” que mapeia seus movimentos diários.

Armazenar suas viagens minuto a minuto traz riscos e privacidade tem-se usado pela polícia para determinar a localização de suspeitos, e outros usos comerciais podem igualmente seres feitos a partir destas informações, como por exemplo influenciar nas cotações de seguro de automóveis ou seguros de vida de um consumidor desavisado.

Google diz que disponibiliza opções para que o usuário desabite a gravação de registro de localidade. Na página de suporte a Google afirma: “Você pode desativar o histórico de localização a qualquer momento. Com o histórico de localização desativado, os lugares em que você está não são mais armazenados.

Porém segundo apurado pelo AP e confirmados pelos pesquisados de Princeton, isso não é verdade. Mesmo com o histórico de localização desativado, algumas aplicações do Google armazenam automaticamente dados de localização com marcação de hora sem a autorização do usuário.

Por exemplo, o Google armazena um ponteiro instantâneo de onde você está quando abre seu aplicativo do Google Maps. Atualizações diárias automáticas de meteorologia em telefones Android indicam o tempo da localização aproximada de onde você está.

O problema de privacidade afeta alguns bilhões de usuários do software operacional Android, do Google, e centenas de milhões de usuários do iPhone em todo o mundo que dependem do Google para fazer mapas ou pesquisas.

Embora armazenar dados de localização em violação das preferências de um usuário esteja errado o Google diz que está sendo perfeitamente claro.

Segundo o IBT um porta voz do Google disse em um comunicado ao AP que “Há diversas maneiras do Google usar a localização para melhorar a experiência das pessoas, incluindo: Localização História, Web e atividade dos aplicativos e através de nível de dispositivo de localização Serviços. Fornecemos descrições claras dessas ferramentas e controles robustos para que as pessoas possam ativá-las ou desativá-las e excluir seus históricos a qualquer momento.”

Para impedir que o Google salve esses marcadores de locais, a empresa diz que os usuários podem desativar outra configuração, que não faz referência específica às informações de localização. Chamada de “Atividade na Web e de apps” e ativada por padrão, essa configuração armazena uma variedade de informações dos aplicativos e sites do Google na sua Conta do Google. Quando desativado, impedirá que a atividade em qualquer dispositivo seja salva em sua conta.  No entanto, deixar a “Atividade na Web e de apps” ativado e desativando o “Histórico de locais” só impede que o Google adicione seus movimentos à “linha do tempo”, a visualização das suas viagens diárias. Isso não impede a coleta de outros marcadores de localização do Google diz o site do IBT.

embora você possa excluir esses locais manualmente, isto é um trabalho bem demorado e difícil, que requer certa habilidade, já que você deve selecioná-los individualmente, a menos que queira excluir todas as atividades armazenadas de uma única vez.  Embora as informações estejam espalhadas e não esteja tão claramenente disponível, você pode consultar seus marcadores de localização armazenados na página da sua conta do Google em myactivity.google.com.

Nos últimos anos, grandes empresas de tecnologia estão sob crescente questionamento sobre suas práticas de coleta e armazenamento de dados, principalmente depois os  escândalos de privacidade no Facebook e diversas normas de privacidade foram editadas recentemente, como  GDPR na União Européia e a LGPD no Brasil, mas segundo o IBT, críticos dizem que a insistência do Google em rastrear a localização de seus usuários se deve à sua motivação para aumentar a receita publicitária. “Eles criam informações de publicidade a partir de dados“, disse Peter Lenz, analista sênior de geoespacial da Dstillery, uma empresa rival de tecnologia de publicidade. “Mais dados para eles, presumivelmente, significam mais lucro.

 

Fonte: IBT 

 

Veja também:

Sobre mindsecblog 1767 Artigos
Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.

4 Trackbacks / Pingbacks

  1. Vazam 14 milhões de registros da GovPayNow.com
  2. Estados dos EUA abrem investigação antitruste contra Google
  3. 50 Estados dos EUA abrem investigação antitruste contra Google – Information Security
  4. Vazam 14 milhões de registros da GovPayNow.com

Deixe sua opinião!