Google anuncia doação de 120 mil bolsas de estudo

Google anuncia doação de 120 mil bolsas de estudo. Vagas em cursos de Suporte de TI, Análise de Dados, Gestão de Projetos e UX Design, todos certificados pelo Google, serão doadas para estudantes selecionados pelo CIEE e pelo Bettha.com

O Google anunciou na quinta-feira, 20 de abril de 2023, a doação de 120 mil bolsas para os Certificados Profissionais do Google, capacitações profissionais em tecnologia oferecidas pela empresa na plataforma de cursos online Coursera para estudantes, aprendizes/estagiários e demais profissionais que estejam buscando recolocação no mercado ou o primeiro emprego. As vagas serão repassadas para o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e o Bettha.com, startup do grupo Cia de Talentos focada no desenvolvimento profissional e no aumento da empregabilidade, com apoio do Instituto Ser Mais, organização do mesmo ecossistema que trabalha com o público jovem em situação de vulnerabilidade social. 

Cada instituição, CIEE e Bettha.com, ficará responsável por selecionar as pessoas que ocuparão as vagas, sempre com foco na população socialmente mais vulnerável, e também em pessoas de grupos politicamente minorizados, como negras e negros, mulheres, comunidades indígenas e LGBTIQAP. As bolsas serão ofertadas tanto para alunos no ensino médio, na faculdade e também para as pessoas que já concluíram algum destes ciclos e procuram oportunidade de trabalho. O CIEE irá focar na distribuição entre jovens com idade entre 16 e 24 anos, ainda na escola ou faculdade, já o Bettha.com buscará pessoas com mais de 25 anos, também buscando por um emprego. As inscrições podem ser feitas pelo CIEE (neste link) ou pelo Bettha (neste link)

“Um dos propósitos do Google está no compartilhamento de conhecimento e no incentivo à educação, com foco especial para a formação de novos profissionais na área da tecnologia. Neste sentido, os Certificados Profissionais do Google desempenham um papel importante por serem cursos 100% online, desenvolvidos pelo próprio Google e que capacitam pessoas em habilidades e profissões com alta demanda, mesmo sem experiência prévia. Sabemos da demanda do mercado em profissionais qualificados nessa área e por isso entendemos a importância de investir na capacitação de jovens ou pessoas que queiram mudar de ramo para que se tornem profissionais de excelência”, pontua Maia Mau, diretora de Marketing do Google Brasil.

A doação das bolsas dá continuidade ao anúncio feito pela empresa em junho de  2022, durante o Google for Brasil, em que a empresa se comprometeu com a concessão de  500 mil bolsas de estudo para formação em áreas de atuação altamente demandadas pelo mercado de trabalho, até 2026. O objetivo é contribuir para o enfrentamento do desemprego, principalmente capacitando jovens dos setores sociais mais atingidos, para promover o desenvolvimento econômico e a qualidade de vida dessas pessoas. 

“Estamos muito felizes em apoiar o Google em algo tão impactante. O Bettha nasceu para apoiar jovens talentos a se qualificarem e encontrarem um trabalho para que possam atingir todo seu potencial. Esse projeto é exatamente sobre isso e não tenho dúvida que o Bettha aproveitará a oportunidade para também mostrar todo o valor da nossa plataforma para o Google e todos aqueles que compartilham desse objetivo”, comenta Pedro Somma, CEO do Bettha.com.

As Certificações Profissionais do Google fazem parte do programa Cresça com o Google, projeto que agrega produtos, plataformas e serviços para ajudar pessoas e negócios a se desenvolverem no mercado. A ideia central é fornecer habilidades digitais práticas e técnicas para ajudar pessoas e pequenos negócios a se desenvolverem, inclusive socioeconomicamente. Esta é a segunda vez que o Google trabalha com o CIEE para a doação de bolsas dos cursos. Ainda em 2022, as primeiras 30 mil vagas foram doadas para a instituição. 

“Mais do que a formação teórica em cursos de tecnologia, participar de uma iniciativa com esta faz com que o jovem se desenvolva em outras esferas de sua vida.  Ao perceberem as tantas oportunidades de crescimento neste cenário, estes estudantes também desenvolvem o senso de responsabilidade, comprometimento e postura profissional que são qualidades são essenciais para o sucesso em suas futuras carreiras”, explica Renata Honda, supervisora do CIEE One. 

“Nossa experiência em recrutamento e seleção nos mostra como essa jornada vem transformando e ampliando as possibilidades de cada um dos jovens”, completa.

Certificação

Os quatro primeiros cursos com certificação profissional foram lançados pelo Google, em português, no início do ano passado. Hoje, estão disponíveis, com legendas, as formações profissionais em Suporte de TI, Análise de Dados, Gestão de Projetos e UX Design, que não exigem conhecimento específico anterior, todas voltadas para quem está procurando o primeiro emprego, avançar na carreira e/ou um novo trabalho

No curso de Suporte de TI os participantes são capacitados para suporte na área de tecnologia. Já a habilitação em Análise de Dados ensina os alunos a coletarem e a organizarem estrategicamente blocos de informações, para a análises que contribuam no processo de tomada de decisão.

Os formados em Gestão de Projetos ficam preparados para definir planos, orientar colegas de equipe e gerenciar mudanças, riscos e partes interessadas, durante os processos de entrega de produtos, serviços e outros resultados em uma empresa. E os inscritos em UX Design estudam a interação de usuários em sites, aplicativos e com objetos físicos, para tornar essas experiências mais úteis, agradáveis e acessíveis. 

Os cursos são 100% on-line e assíncronos, ou seja, com cronograma flexível e duração a depender da disponibilidade do aluno. A depender do curso, eles podem variar entre um total de 140 e 200 horas de aula. Todo conteúdo fica gravado e disponível sob demanda.

Os cursos são preparatórios para algumas áreas de tecnologia e foram pensados para ajudar quem busca profissionalização e melhoria curricular para áreas de alta demanda no mercado de tecnologia. Objetivas e dinâmicas, as capacitações procuram preparar os participantes para o início imediato em vagas que exigem as habilidades estudadas. Além disso, os cursos são orientados em nível profissional, foram criados por especialistas do Google e deixam os currículos ainda mais competitivos.

Mercado de trabalho no Brasil

Dados apresentados pelo IBGE em fevereiro de 2023 mostram que a taxa média de desemprego em 2022 foi de 9,3%, o menor patamar desde 2015. A pesquisa revela ainda que o emprego sem carteira assinada atingiu número recorde no país totalizando 12,9 milhões de trabalhadores, um crescimento de 14,9% em comparação com 2021. O emprego com carteira de trabalho também cresceu ao longo do último ano, mas em menor ritmo – ao todo, são 35,9 milhões de brasileiros empregados nessa condição, um aumento de 9,2% na comparação com 2021.

Outro fator revelado pela pesquisa foi a maior taxa de crescimento entre alguns grupos demográficos. De acordo com os dados do IBGE, a taxa de desocupação, no primeiro trimestre de 2022, ficou 13,7% entre as mulheres e para 13,3% considerando apenas as pessoas pretas.Dados levantados pelo instituto em 2021 revelaram que o desemprego entre pessoas LGBTQIAP+ estava acima da média nacional no Brasil, com um total de 21,6%. Já em 2022, o desemprego entre os jovens de 18 a 24 anos ficou em 31,4% no 3º trimestre do ano, segundo IBGE.

Além disso, a predominância de ocupações precárias leva a uma queda histórica no rendimento médio dos brasileiros. A renda média entre dezembro e fevereiro caiu 8,8% em um ano e, desse modo, é a menor para o período nos últimos 10 anos.

Veja também:

Sobre mindsecblog 2553 Artigos
Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.

Seja o primeiro a comentar

Deixe sua opinião!