Polícia Alemã Usará Lei para “bypassar” Criptografia de Dispositivos

A polícia Alemã está pronta para usar a lei que autoriza monitorar dispositivos introduzindo código de “espionagem” antes da criptografia das mensagens.

Em junho o governo Alemão aprovou lei que autoriza a Polícia Alemã a desenvolver e injetar código de monitoração em equipamentos móveis suspeitos de pertencerem a terroristas.

Baseado na lei aprovada, a polícia desenvolveu uma tecnologia chamada de Remote Communication Interception Software (RCIS) , que interceptaria as mensagens antes de serem criptografadas nos aplicativos de mensagens como o Whatsapp e Telegram.

O jornal local DW afirma que a versão 2.0, que seria capaz de hackear os equipamentos “na fonte”, antes de serem manuseadas pelos aplicativos, e não limita-se à monitoração de computadores, incluindo aparelhos Androids, iOS e Blackberry.

O sistema RCIS foi desenvolvido para que a Polícia Alemã não fique dependente ou continue travando batalhas judiciais com empresas como a Google e Apple.

Aparentemente a tendência é as autoridades, não só na Alemanha, intensifiquem a utilização de técnicas de “invasão hacker” para investigar e monitorar suspeitos, abrindo sério precedente à privacidade de empresas e indivíduos.

Por MindSec  01/08/2017

 

 

About mindsecblog 277 Articles

Blog patrocinado por MindSec Segurança e Tecnologia da Informação Ltda.